Ouça agora na Rádio

N Notícia

CC0 / Pixabay

FOTO: CC0 / Pixabay

Nuvem de poeira do Saara cobre Caribe e continua se espalhando (FOTO, VÍDEO)

Um fenômeno climático que ocorre em qualquer ponto do planeta pode afetar, até de modo grave, regiões distantes. Desta vez, ele chegou ao nosso continente.

Informações compartilhadas Sputnik Brasil

Uma nuvem de poeira que viaja do Deserto do Saara alcançou a península de Iucatã e várias ilhas do Caribe. Imagens de satélite indicam o movimento da neblina que também cobre a América Central e uma parte da Venezuela.

Ventos trópicos conduzem com frequência a neblina para o oeste, o que causa deterioração do ar nas cidades e aumenta alergias e enfermidades respiratórias.

Entre os danos, provocados pela poeira do Saara na região, figuram declive dos recifes, aumento do número de pessoas com asma, redução de precipitações no verão e declínio nas colheitas de alguns cultivos tais como o de frutas.

?Poeira do Saara chegando à península de Iucatã e Golfo do México

Inibe ciclones ao portar ar seco e ventos fortes a grandes altitudes.

Sua presença ocasiona menos chuvas.

Favorece entardeceres avermelhados no Caribe.

 

Aporta nutrientes para a Amazônia.

O Serviço Nacional de Meteorologia de Porto Rico informou que a cauda de poeira, que está cobrindo a ilha desde 25 de junho, se manterá até o fim de semana quando começará a desaparecer graças às chuvas trazidas por onda tropical.

?Tempestade do Saara: nos próximos 3 dias é esperada muita poeira e areia na Venezuela, América Central e México.

 

A poeira que vem da África pode trazer bactérias, vírus, esporos, ferro e outras contaminações.

As imagens recebidas através de satélites mostram como a camada saariana de ar afeta Venezuela, América Central e México. Este fenômeno pode ocorrer em qualquer momento do ano, mas normalmente está ligado com o ar quente do Caribe e os fortes ventos das tempestades de areia em desertos.

#ULTIMO | TORMENTA DEL SAHARA: En los próximos 3 días se espera polvo y arena en #Venezuela, Centroamerica y México.

El polvo que viene de África puede traer bacterias, virus, esporas, hierro y otros contaminantes. pic.twitter.com/cBEqkB2cRi

— Christopher Abreu (@AbreuReport) 27 de junho de 2018

?Preparem câmeras para o crepúsculo!!

 

Cúmulo de poeira denso do Saara cobre a península

FONTE: SPUTNIK BRASIL
Link Notícia

Leia também